• Waving Test

Saiba quais são as boas práticas para a automação de testes



O processo de criação de um software é bastante desafiador uma vez que a construção de uma aplicação envolve vários processos que, geralmente, são bem complexos e passam por várias etapas e validações para obter um produto final útil e atendendo corretamente as funções previstas.


Nesse contexto, os testes de softwares surgem para auxiliar no processo de validação do software. Os testes precisam ocorrer frequentemente e em softwares muito complexos, o tempo investido em testes manuais pode ser muito elevado e pouco produtivo, aumentando ainda mais os custos para verificação das funcionalidades.


Por conta disso a automação de testes é uma alternativa eficaz para ajudar na otimização de tempo e manter a qualidade final da aplicação.


Portanto, é necessário que a automação de teste possua boas práticas para garantir a qualidade e organização no projeto. Aqui estão algumas dessas boas práticas:


1. Planejamento

Planejamento é fundamental no desenvolvimento de qualquer processo e para os testes de software não seria diferente. Começar o processo de automação pelo planejamento do ciclo de testes irá auxiliar nos prazos estabelecidos e nas etapas a serem cumpridas, fazendo que o desenvolvimento aconteça de forma mais organizada e efetiva.


2. Documentação

Assim como nos testes manuais, manter uma boa documentação de testes automatizados é uma etapa muito importante. Elaborar a documentação, mantendo as informações compartilhadas com toda a equipe ajuda para que todos os envolvidos no projeto saber o que fazer e como fazer!


3. Ferramentas e Frameworks

Essa etapa precisa de uma atenção especial visto que, a escolha das ferramentas e dos frameworks nos testes automatizados pode definir o sucesso ou não do projeto.


A escolha errada pode acarretar lentidão e ineficiência nos testes, por isso realize uma pesquisa completa sobre o seu projeto e valide pontos importantes em que ele está sendo desenvolvido, e de acordo com respostas, levante as ferramentas mais adequadas.


4. Análise de erros críticos

Embora seja muito importante encontrar e resolver os bugs do software, não se pode esquecer de armazenar os erros críticos que foram encontrados, uma vez quecaso o erro aconteça novamente já existe a solução arquivada.


O WavingTest é uma aplicação para automação de testes com Inteligência Artificial pensada para times ágeis usarem na sua rotina. Com ele, você tem:


  • Aumento da Cobertura dos Testes

Maior grau de recrutamento das funcionalidades com mais diversidade de cenários a serem submetidos os testes, gerando maior confiabilidade geral do processo


  • Mais Confiabilidade dos Testes

Utilização de automações e inteligência artificial, eliminando os riscos e as vulnerabilidades contidas na execução dos testes manuais


  • Aumento da Velocidade das Entregas

Automatizações que reduzem o tempo do time gasto com atividades manuais e operacionais sem agregação e aumentam o ritmo geral de entrega da solução proporcionando rápidos feedbacks



Inicie agora mesmo no Waving Test de forma 100% gratuita e eleve a produtividade do seu time!
3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo